Tricologia é a ciência que estuda os cabelos, o couro cabeludo, e consequentemente os distúrbios que os afetam.

Saber identificar a terapia ideal para cada caso, que vai desde doenças hereditárias, psicossomáticas, alterações hormonais e uso equivocado de produtos de beleza é fundamental para ter sucesso no tratamento.

FOLÍCULO PILOSO

O Folículo piloso é uma estrutura em forma de bolsa localizada dentro do couro cabeludo que abriga a raiz do fio capilar. Trata-se de um anexo cutâneo complexo, com múltiplas funções.

QUEIXAS COMUNS

Muitas patologias podem acometer a saúde dos fios e do couro cabeludo.

TRATAMENTOS

Desde tratamentos clínicos a estéticos, descubra aqui quais as terapias indicadas para recuperar a saúde dos fios.

A partir de agora, você vai conhecer um pouco mais sobre o seu cabelo e os principais tratamentos disponíveis para diversas patologias que podem afetar a saúde dos fios. É importante que o paciente, ao notar alterações de queda dos fios ou no couro cabeludo, procure imediatamente ajuda médica para um diagnóstico preciso, afim de evitar o agravamento do quadro.

Folículo Piloso e Ciclo Capilar

O Folículo Capilar é uma bolsa tubular localizada na hipoderme e é dentro dele que se localiza a raiz do fio capilar. Em todo o corpo humano estima-se que existam cerca de cinco milhões de folículos capilares, que estão distribuídos por todo o tegumento, exceto palmas das mãos, plantas dos pés e na genitália (pele glabra). A maior concentração deles está no couro cabeludo.

No couro cabeludo temos, em média, 100.000 folículos pilosos, e essa quantidade é maior em louros e menor em ruivos.

Trata-se de um anexo cutâneo bastante complexo, com diferentes tipos de células e múltiplas funções. Dentre elas, podemos citar: capacidade de auto-renovação, potencial para imortalidade e crescimento rápido. Essas propriedades fazem dele, o folículo piloso, uma das estruturas mais dinâmicas dos mamíferos.

O folículo produz dois tipos de pelos: o terminal, mais grosso, e o velus, fino como uma penugem. O fio terminal é grosso, pigmentado, longo, com músculo piloeretor e medula. O velus é um pelo pequeno, fino, macio, sem medula, pouco pigmentado, sem músculo eretor. O pelo velo pode se transformar em terminal, como ocorre na barba dos homens na puberdade. E podemos observar a transformação do pelo terminal em velo na Alopécia Androgenética (Calvície). Saiba mais (linkar para pagina de Calvicie Masculina)”

Ciclo Evolutivo do Cabelo

Os fios de cabelos crescem 0,33mm por dia, cerca de 1 cm por mês.  As fases do ciclo do cabelo se classificam em crescimento, involução e descanso (respectivamente: Fase Anágena, Catágena e Telógena). Estas mudanças de fase, com suas características próprias, são chamadas de Ciclo Biológico dos Cabelos. Nossos fios estão, portanto, em constante renovação.

Dos 100 mil folículos pilosos presentes no couro cabeludo, cerca de 0,1% deles entram em repouso diariamente, o que corresponde a uma queda média diária de 100 fios ao dia. Ou seja, é normal caírem cerca de cem fios diariamente.

Nossos fios também são influenciados por fatores cronobiológicos, ou seja, variam de acordo com condições climáticas, temperatura e meio ambiente. No Brasil, é no Outono que os fios tem uma propensão maior à queda.
Algumas condições patológicas podem levar à queda dos fios e ao afinamento dos mesmos, e até mesmo acometer a saúde do couro cabeludo. Entre elas: anemia, problemas na tireóide, emagrecimento, estresse profundo, cirúrgias, quadro infecciosos, gravidez, doenças auto-imunes, além de tendências hereditárias.

QUEIXAS COMUNS

EFLÚVIO TELÓGENO

ALOPÉCIA AREATA

DERMATITE SEBORREICA

TRATAMENTOS CLÍNICOS

MEDICAMENTOS

MMP

INTRADERMOTERAPIA CAPILAR

LASER